JUDÔ DE LIGA COM FESTIVAL ENCERRA AS ATIVIDADES DO PRIMEIRO SEMESTRE DO PROJETO VIVA A VIDA

O encerramento das atividades relativas ao primeiro semestre no projeto Viva a Vida, aconteceu na tarde desta segunda-feira 11.

Festival de Judô encerrou semestre, a competição envolveu cerca de 50 alunos de 5 a 40  anos, que fazem parte do Projeto Judô Social desenvolvido pela LCJMS Liga Confederada de Judô do Mato Grosso do Sul, sobre a presidência  do Sensei Uillian  Cezar Cantini Ibarra, doador das medalhas do festival, e,  filiada a CBJK, Confederação Brasileira de Judô Kodokan em parceria com o Projeto Viva a Vida.

 

 

 

Além dos atletas, familiares também estiveram presente no evento, levando incentivo para os judocas participantes.

Ponto alto do evento foi a participação de judocas portadores de TDHA ( hiperativo) Autistas e TOD ( transtorno opositivo desafiador), todos sociabilizado e mostrando competência no Dojo.

“ Hoje buscamos mostrar aos pais, o que seus filhos estão aprendendo, muito mais que uma competição ou medalha, aqui se aprende, a convivência em grupo, respeito, disciplina e auto estima. É gratificante ver a evolução de cada um, mas é ainda mais gratificante saber que estão gostando e as famílias estão presentes participante e nos ajudando. Se sair um campeão, ótimo, mas cidadãos de bem é que buscamos para termos uma sociedade mais justa” disse Sensei Cleber dos Santos Pereira, presidente da CBJK.

 

 

“Estamos muito contentes com tudo o que estamos desenvolvendo dentro do Projeto, todos os cursos e parcerias estão trazendo resultado fantástico para os alunos e famílias, como é o caso do judô. Agradeço imensamente o nosso padrinho o vereador Nego do Povo, na luta constante por recurso e apoio para manter o Viva a Vida, e dar de forma gratuita a comunidade, enfim agradeço a todos os parceiros. Vamos dar um descanso de alguns dias recarregar as pilhas e voltar mais forte a partir de agosto”, concluiu Euzenir Capichi Bello Cabral presidente do projeto.

 

 

O festival foi organizado e arbitrado pelos Senseis Cleber Santos Pereira e Paulo Roberto Banczek

 

Redação: Paulo Roberto Banczek

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error

Gostou do nosso site? Divulgue para familiares e amigos :)